Radis Comunicação e Saúde

Tempo de leitura: 1 minuto

Mulheres de diferentes movimentos populares lançaram manifesto contra a Reforma da Previdência (8/2) na Câmara dos Deputados. No documento, elas defendem que os desmontes dos direitos e das políticas sociais atingem de forma particular as mulheres. “Quanto mais avançam a privatização e a precarização da saúde e da educação, por exemplo, mais se intensifica a sobrecarga de responsabilização e de trabalho das mulheres, aumentando desigualdades de gênero, classe, raça e de geração”. Confira o texto na íntegra: https://goo.gl/g8j1Zq