Tempo de leitura: 1 minuto

Ampliação do Processo de Privatização da Saúde no Brasil (Hucitec Editora) demonstra como a privatização é uma forma sutil de dificultar o direito de acesso à atenção integral no SUS. A obra analisa os vários planos prejudicados pela renúncia governamental em assegurar o caráter de gestão pública do SUS e como essa ação compromete o financiamento do sistema, impede a construção de política e de pessoal e ainda permeia a gestão cotidiana do sistema. A privatização, na realidade, é uma forma incremental e perversa de desconstrução do direito universal à saúde.