Menu

Um paciente atendido de manhã, de tarde seu médico publica toda sua história preservando seu nome e imagem. Com riqueza de detalhes o colega explora as chagas daquela vida que começa a se despedir. Vai descrevendo as tristezas e angústias não explicáveis. Assim como o corpo, a alma vai ficando exposta com suas feridas… são fortes relatos. O paciente sabe o nome do médico, a um clique ele acha sua rede social, seus familiares também, seus amigos… a descrição perfeita não deixa dúvidas: aquela foto dolorosa é dele.

Ainda vivemos um tempo em que as imagens são divulgadas “com consentimento”. Um consentimento torto colhido de um vulnerável. Sim, a gente adoece e fica mais vulnerável. “Como dizer não àquela foto do doutor?!…”

Ainda pode ser que uma mãe ou um filho, achem a foto do seu ente doente, anos depois, num simples “search” de internet. As descrições verbais e escritas das histórias podem expor mais até que uma imagem. Será que devíamos respeitar um espaço temporal? Será que devíamos ter ainda mais cuidado com o que escrevemos? Acho que sim.

* Médico geriatra e vice-presidente da Associação Nacional de Cuidados Paliativos (ANCP). O texto foi originalmente publicado no Instagram (16/02).
https://radis.ensp.fiocruz.br
Sem comentários
Comentários para: Seu paciente segue você: você está contando a história dele nas redes?

Seu endereço de e-mail não será divulgado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anexar imagens - Apenas PNG, JPG, JPEG e GIF são suportados.

Leia também

  1. Pós-tudo
Entre 26 e 30 de setembro realizou-se em Washington (EUA), a 30ª Conferência Sanitária Pan-americana, que reúne a cada cinco anos todos os ministros da saúde das Américas para, entre outros pontos de agenda, eleger o diretor da Organização Pan-americana da Saúde (Opas) para um mandato de cinco anos. Carissa Etienne, médica da Dominica, está […]
Próximo

Radis Digital

Leia, curta, favorite e compartilhe as matérias de Radis de onde você estiver
Cadastre-se

Revista Impressa

Área de novos cadastros e acesso aos assinantes da Revista Radis Impressa
Assine grátis